19.08 Nota de Solidariedade

NOTA DE SOLIDARIEDADE

A Federação Brasileira de Psicanálise – FEBRAPSI, em nome de todos os cidadãos psicanalistas, solidariza-se com as manifestações de lamento e de repúdio diante da cruel e inadmissível violência sofrida pela menina de 10 anos, vítima de abuso sexual.

Compete com esta brutal situação, a exposição desmedida da intimidade da menina e de sua família e as manifestações desumanas, desrespeitosas e recriminatórias, repetindo as múltiplas violações, ampliando o cenário traumático de proporções incalculáveis na constituição psíquica desta criança. 

Estamos afinados com os Direitos Humanos e com o Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA, de 13 de julho de 1990, do qual citamos o Art. 4º:

…é dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária…

Quando ocorre qualquer ato contra a infância e a adolescência não pode haver morosidade, nem omissão e nem igualmente a exposição de fatos que deveriam ter a proteção e o acolhimento previstos pelo ECA.

Esta dor é de todos aqueles comprometidos com a dignidade da pessoa humana.

Diretoria da FEBRAPSI